Sexta-feira, 03 de maio de 2019

Só por hoje quero aproximar os sonhos da realidade, encurtar a distância entre o desejo e a realização. Desejo dar a mim mesmo os conselhos que facilmente dou aos outros. Desejo aprender a me esvaziar para buscar a plenitude. “Somos assim. Sonhamos o voo, mas tememos as alturas. Para voar é preciso ter coragem para enfrentar o terror do vazio. Porque é só no vazio que o voo acontece. O vazio é o espaço da liberdade, a ausência de certezas. Por isso trocamos o voo por gaiolas. As gaiolas são o lugar onde as certezas moram” (Rubem Alves).

Mayer, Canísio. Só por hoje. São Paulo: Paulus, 2ª reimpressão, 2018.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *