Sábado, 28 de dezembro de 2019

Só por hoje quero aprender dos artesãos, das costureiras, do homem do campo entre tantos outros. Eles costumam se alegrar com pouco e são profundamente inteiros, simples e felizes. Eu também quero aprender a ser sempre mais feliz. Quero fazer uso de tudo o que vejo, compreendo e vivo para   enriquecer meus valores e minha capacidade de significar. “Ser feliz é não ter uma vida perfeita, mas usar as lágrimas para irrigar a tolerância. Usar as perdas para refinar a paciência. Usar as falhas para refinar o prazer. Usar os osbstáculos para abrir as janelas da inteligência” (Fernando Pessoa). 

Mayer, Canísio. Só por hoje. São Paulo: Paulus, 2ª reimpressão, 2018.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *