Sábado, 27 de abril de 2019

Só por hoje quero refletir sobre a trindade que agrega valor ao viver: a travessia, o amor e a liberdade. Pois “Quem elegeu a busca não pode recusar a travessia” (Guimarães Rosa); “Tão bom morrer de amor e continuar vivendo” (Mário Quintana); “Liberdade significa responsabilidade; é por isso que tanta gente tem medo dela” (George Bernard Shaw). Quero dissipar os medos que costumam engessar a esperança, quero abraçar a liberdade que deseja fazer voar e quero o amor que deseja apenas uma coisa: amar.

Mayer, Canísio. Só por hoje. São Paulo: Paulus, 2ª reimpressão, 2018.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *