Sábado, 2 de fevereiro de 2019

Só por hoje quero fazer o que devo fazer. Não quero viver angustiado nem ansioso. Quero viver de forma leve, solta e feliz. Não quero viver lamentando o que não tenho nem reclamar do lugar onde me encontro. Quero, sim, aproveitar bem o que está ao meu alcance. Quero profundar e melhorar na arte de simplificar a vida. Viver não é complicado e eu não quero complicar o que deseja ser simples. “Faça o que puder, com o que tiver e onde estiver” (Theodore Roosevelt).

Mayer, Canísio. Só por hoje. São Paulo: Paulus, 2ª reimpressão, 2018.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *