Sábado, 02 de novembro de 2019

Só por hoje  quero  decidir pela vida e por tudo o que traz vida para os outros e para mim. Não quero hesitar em afirmar o valor sagrado e inadiável da vida. Quero e desejo reacender a chama da fé, o fogo da esperança e o calor do amor dentro de mim. Quero buscar, incansavelmente, o que dá sentido, prazer e sabor ao viver.  “A morte não é a maior perda da vida. A maior perda da vida é o que morre dentro de nós enquanto vivemos” (Pablo Picasso).

Mayer, Canísio. Só por hoje. São Paulo: Paulus, 2ª reimpressão, 2018.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *