Quinta-feira, 22 de agosto de 2019

Só por hoje quero usar novas lentes. Quero ver a vida, o mundo, as pessoas com um novo olhar, com um olhar poético, sensível e profundamente humano. Quero buscar novas e surpreendentes definições ao que costuma ter uma conotação negativa. “’Deficiente’ é aquele que não consegue modificar sua vida; ‘mudo’ é aquele que não consegue falar o que sente e se esconde por trás da máscara da hipocrisia. ‘Paralítico’ é quem não consegue andar na direção daqueles que precisam da sua ajuda. ‘Diabético’ é quem não consegue ser doce”  (Mário Quintana).

Mayer, Canísio. Só por hoje. São Paulo: Paulus, 2ª reimpressão, 2018.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *