Quinta-feira, 07 de fevereiro de 2019

Só por hoje quero ser quero mergulhar em águas límpidas. Não quero dar asas à lógica da intolerância, da facilidade de criticar ou falar mal. Não quero pagar o mal com o mal, não desejo aos outros o que não quero para mim. Quero vencer a ofensa no silêncio, quero ultrapassar a ingratidão com o reconhecimento, quero pagar a mesquinharia com a generosidade. Não quero perder a elegância, a autenticidade e o amor à verdade. Quero compreender algo muito sábio e desafiante: “Responder à ofensa com ofensa é lavar a alma com lama” (Dalai Lama).

Mayer, Canísio. Só por hoje. São Paulo: Paulus, 2ª reimpressão, 2018.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *