Quarta-feira, 30 de janeiro de 2019

Só por hoje quero apressar-me lentamente. Quero olhar, sobretudo, para dois grupos sociais: para as crianças e para os idosos. Quero aprender deles duas atitudes de vida fundamentais: “Não quero amigos adultos nem chatos. Quero-os metade infância e outra metade velhice! Crianças, para que não esqueçam o valor do vento no rosto; e velhos, para que nunca tenham pressa” (Oscar Wilde).

Mayer, Canísio. Só por hoje. São Paulo: Paulus, 2ª reimpressão, 2018.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *