Domingo, 27 de janeiro de 2019

Só por hoje  quero aprender os dois lados de uma moeda. Falhar não é só cometer um erro grave, mas também deixar de fazer o bem. A omissão é o outro lado da moeda que nos desafia a entender que na vida não existe atitude neutra. Tudo o que fazemos ou deixamos de fazer traz consequências que, por sua vez, ajudam a construir mais vida ou contribuem para contextos perpassados por sinais de morte. “Não somos responsáveis apenas pelo que fazemos, mas também pelo que deixamos de fazer” (Molière).

Mayer, Canísio. Só por hoje. São Paulo: Paulus, 2ª reimpressão, 2018.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *