Domingo, 22 de dezembro de 2019

Só por hoje quero aprender a reagir, isto é, agir contra o desânimo, contra as tentações da preguiça, da acomodação, da crítica fácil e das reclamações. Quero agir contra as fofocas, a impaciência e o mau humor. Não quero apenas reagir como ato de vontade, mas movido por valores e por novos objetivos. O sorriso pode ser uma forma de agir contra tudo o que diminui, contra tudo o que tenta enfraquecer a beleza do viver. “Nunca deixes de sorrir, nem mesmo quando estás triste, porque nunca sabes quem poderá enamorar-se do teu sorriso” (Gabriel Garcia Marquez).  

Mayer, Canísio. Só por hoje. São Paulo: Paulus, 2ª reimpressão, 2018.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *