Domingo, 10 de fevereiro de 2019

Só por hoje quero despertar novos sonhos e acordar sonhos adormecidos. Quero lançar-me ao novo, ao diferente, quero mergulhar na real vivência da liberdade, quero fazer tudo o que estiver ao meu alcance. No futuro não quero me arrepender por ter amado demais, ter arriscado demais, ter me lançado demais na beleza do viver. “Daqui a alguns anos você estará mais arrependido pelas coisas que não fez do que pelas coisas que fez. Então, solte as amarras. Agarre o vento em suas velas. Explore. Sonhe. Descubra” (Mark Twain).

Mayer, Canísio. Só por hoje. São Paulo: Paulus, 2ª reimpressão, 2018.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *